Saltar para o conteúdo Saltar para o menu Saltar para o rodapé
Logomarca da Fundação Telefónica Vivo

Fique por dentro


Conheça 8 polos tecnológicos no Brasil e sua importância para a inovação

Polos tecnológicos reúnem especialistas e pesquisadores em busca de inovação em processos, produtos e serviços com o uso de tecnologia

Data de Publicação: 2021-10-26T03:00:00.000Z | Tempo de leitura: 8 minutos

Pense Grande

Quando o assunto é polo tecnológico, o primeiro nome que muita gente lembra é Vale do Silício, região localizada na Califórnia, nos Estados Unidos. Foi lá que surgiram grandes empresas inovadoras como Apple, Facebook, Google, Netflix e tantas outras. Mas o que muitos não sabem é que o Brasil também conta com diversos polos tecnológicos.

Desde 1990, o país tem investido na formação desses espaços para aumentar sua competitividade no mercado mundial. Atualmente, há 28 parques tecnológicos na região Sul do Brasil, 19 no Sudeste, sete no Nordeste, três no Centro-Oeste e um na região Norte, segundo informações do Ministério da Ciência, Inovação e Tecnologia.

Os polos tecnológicos são espaços que facilitam a criação de soluções. São centros de produção de alta tecnologia que reúnem os elementos fundamentais para estruturar novas ideias, juntando indústria, universidades e poder público. Essas três unidades trabalham em parceria para criar um ambiente inovador e tecnológico, buscando o desenvolvimento de soluções e melhorias para a vida da sociedade.

Em diferentes países, pequenas e grandes empresas estão estruturadas em torno de polos tecnológicos, que são importantes para o crescimento da economia. 

Selecionamos alguns dos principais polos tecnológicos do país. Conheça!


Leia mais: 8 momentos em que você utiliza competências digitais no seu dia a dia


1- Parque Tecnológico do Porto Digital – Recife

No estado de Pernambuco, o Porto Digital foi lançado em 2000 para atrair empresas de tecnologia e aumentar os postos de trabalho no estado. Ele reúne mais de 250 empresas de pequeno e médio portes. 

Atualmente, o parque tecnológico tem faturamento anual de R$ 1 bilhão e conta com mais de 7 mil profissionais. O trabalho desse espaço é voltado principalmente à tecnologia da informação, comunicação e economia criativa com foco em games, multimídia, cinema, música, fotografia e design.

O crescimento do Porto Digital foi tão expressivo nos últimos anos que recebeu o apoio de importantes empresas como Microsoft, IBM, Samsung e LG. Além disso, o espaço oferece auxílio a novos negócios e pequenos empresários em suas três incubadoras. 


2- Parque Tecnológico de San Pedro Valley – Belo Horizonte

É considerado um dos principais parques tecnológicos de Minas Gerais, com mais de 200 startups, além de incubadoras, aceleradoras e um excelente espaço para coworking.

Um dos destaques é o programa Seed. A iniciativa de aceleração do governo estadual já capacitou 112 startups em três anos, investindo de R$ 68 mil a R$ 80 mil por empresa. O parque tecnológico possui 17 empresas e três centros de tecnologia.

Localizado no bairro de São Pedro, na capital mineira, o parque tecnológico ganhou o apelido de San Pedro Valley em referência ao Vale do Silício, nos EUA. 


3- Parque de Ciência e Tecnologia Guamá - Belém

Fundado em 2010, o parque tecnológico está vinculado à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica. É administrado pela Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá.

Este é o primeiro centro tecnológico da região norte do país, localizado no estado do Pará.  Seu ambiente de inovação é voltado para empreendimentos de base tecnológica. Inclui consultoria e treinamento em planos de negócio, além de laboratórios, incubação de empresas, elaboração e articulação de projetos de ciência, tecnologia e inovação.

O Parque de Ciência e Tecnologia do Guamá é o espaço aberto para o desenvolvimento de novas ideias tecnológicas. Apresenta versatilidade na área de tecnologia, com pesquisadores, estudantes e empresários.


4- Parque Tecnológico de São José dos Campos

Localizado no interior de São Paulo, este polo tecnológico é um dos principais locais de desenvolvimento da aeronáutica no Brasil. É financiado principalmente pelo mercado de defesa e aeroespacial e ganhou reconhecimento devido às tecnologias relacionadas ao setor aeronáutico.

Além da Embraer, Airbus e Boing, outras 300 empresas de diferentes setores recebem apoio das aceleradoras e incubadoras. O Parque Tecnológico de São José dos Campos já arrecadou mais de R$ 1,89 bilhão em investimentos públicos e privados.

Também conhecido por desenvolver negócios para os setores automotivo, energético, saúde, têxtil, tecnologia da informação, comunicação e transporte.


Leia mais: Glossário da era digital: Entenda 20 termos usados no mundo da tecnologia


5- Parque Tecnológico Sapiens – Florianópolis

Florianópolis (SC) foi eleita a segunda cidade mais empreendedora do Brasil, atrás apenas de São Paulo. O polo tecnológico é um dos destaques e vem se estruturando desde 1984, com a criação da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras.

O espaço conta com uma infraestrutura ampla, moderna e flexível, favorável aos empreendedores. Possui espaço para instalação de startups e times de inovação, além de uma unidade de apoio ao empreendedor e dezenas de empresas de tecnologia.

O Sapiens tem mais de 600 startups tecnológicas que faturam mais de R$ 1 bilhão e crescem em média 15% todos os anos.


6 - Parque Tecnológico de Samambaia – Goiânia

Está localizado no campus Samambaia da Universidade Federal de Goiás (UFG). O espaço, inaugurado em 2017, é destinado a empresas de base tecnológica em estágio inicial ou já consolidadas. 

Abriga também laboratórios e centros de pesquisa e desenvolvimento voltados para a prestação de serviços tecnológicos altamente especializados.

No Parque Tecnológico de Samambaia funcionam o Centro Regional para o Desenvolvimento Tecnológico e Inovação e a agência UFG de Inovação. Conta com laboratórios e centros de pesquisa da UFG e de outras instituições com vocação para a realização de pesquisas aplicadas e em cooperação com empresas.


7- Parque Tecnológico TecnoPuc – Porto Alegre

O TecnoPuc tem como principal característica a concentração de pesquisadores e especialistas em inovação, que aplicam seus conhecimentos no ambiente mercadológico sempre em constante mudança. Oferece programas e serviços que acompanham os primeiros passos de um negócio até a sua consolidação.

É conhecido como um polo diverso, com mais de 120 empresas de todos os portes e mais de 6,5 mil empregos gerados.  No ano de 2020, foi eleito pela Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) como o melhor parque científico e tecnológico do Brasil. Foi a terceira vez que esse parque tecnológico recebeu esse reconhecimento.

As áreas de atuação do espaço incluem biotecnologia, comunicações, eletroeletrônica, tecnologia da informação e indústria criativa. O polo é administrado pela Pontifícia Universidade Católica de Porto Alegre (PUC), no Rio Grande do Sul. Grandes empresas como a HP, Dell e Microsoft têm presença marcante nesse polo do sul brasileiro.


8- Parque Tecnológico do Rio – Rio de Janeiro

Instalado no campus da Universidade Federal do Rio de Janeiro, o Parque Tecnológico do Rio foi inaugurado em 2003. Seu objetivo é estimular a interação entre alunos, professores e empresas que investem em inovação.

A área, de 350 mil metros quadrados, se destina a abrigar empresas dos setores de energia, meio ambiente e tecnologia da informação. Os laboratórios e centros de pesquisa são ligados a 46 empresas da capital fluminense e de porte nacional.

O parque acompanha a gestão das startups, pequenas e médias empresas e realiza atividades que estimulam o relacionamento entre as organizações residentes e demais públicos de interesse. 

Os projetos de empreendedorismo de alunos e docentes também ganham destaque, principalmente devido a chegada de empresas pioneiras em novas metodologias, como o Design Thinking.


Leia mais: Healthtechs: startups voltadas para a saúde crescem no país



#Tecnologias Digitais

Comentários

Você precisa estar logado para comentar

Ver mais comentários