alt marcas

23 de novembro de 2017

Há dez anos, um movimento mundial era criado para de fortalecer e disseminar a cultura empreendedora. Nascia assim a Semana Global do Empreendedorismo, que acontece sempre em novembro. Só no Brasil, o evento mobilizou mais de 2,5 milhões de pessoas em 10 mil atividades nos últimos três anos.

Segundo relatório do SEBRAE, o país atingiu a segunda maior taxa total de empreendedores de sua série histórica em 2016, com 36% da população adulta envolvida com atividades empreendedoras.

Os números revelam o quanto o empreendedorismo já faz parte do DNA brasileiro. Mais do que ter o próprio negócio, empreender tornou-se uma ferramenta de mudança, capaz de transformar boas ideias em ações que geram desenvolvimento econômico social e transformam realidades.

E para incentivar ainda a mais o jovem empreendedor do Brasil a encontrar soluções para problemas de sua comunidade, o Programa Pense Grande acaba de lançar a Metodologia Pense Grande, já disponível para download gratuito aqui no site. Dividido em 10 grandes temas, o material reúne as melhores práticas e conteúdos das formações realizadas pelo programa. Agora, todos que se interessarem pelo tema podem ter acesso a uma metodologia exclusiva focada em empreendedorismo social, e assim tirarem suas ideias do papel.

“Quando o jovem conecta suas competências às necessidades de sua comunidade, ele é capaz de desenvolver uma atitude empreendedora que vai além do negócio e pode ser aplicada na vida como um todo”, explica Americo Mattar, diretor presidente da Fundação Telefônica Vivo.

A Metodologia Pense Grande reúne as melhores práticas e conteúdo para você se tornar um empreendedor social, acesse.



 

Notícias relacionadas

Jovens participantes do encontro Empreendedor do Pense Grande posam para foto em grupo em cima de um palco
28 de outubro de 2019

Encontro Empreendedor fortalece rede de jovens e troca de experiências

6 de setembro de 2019

Imersão Pense Grande: autoconhecimento e troca entre empreendedores

Imagem mostra um jovem de tranças, de braços erguidos, olhando para um celular que está em suas mãos
3 de setembro de 2019

Periferia em foco: quem empreende e transforma sua quebrada?