alt marcas
26 de novembro de 2018

Evento de encerramento do programa Pense Grande premiou app para reutilização de materiais recicláveis e dispositivo para manutenção de redes de gás e esgoto

O grupo com três integrantes subiu ao palco e começou a espalhar plástico, papel e papelão por todos os lados, despejando uma grande quantidade de material reciclável em frente à banca dos jurados. Foi assim que começou a impactante apresentação do EcoCrie, um dos grupos vencedores do Demoday da 5ª edição do Pense Grande.

Pela primeira vez, Fatecs participaram do evento, que marca o encerramento do programa de disseminação da cultura empreendedora. E os vencedores foram escolhidos em um longo processo.

Em 2018, 2.000 jovens foram formados dentro da metodologia do Pense Grande. Os 10 melhores empreendimentos (5 de ETECs e 5 de Fatecs) foram selecionados entre 130 projetos para fazer um pitch de cinco minutos a uma banca de especialistas na disputa pelo 1º lugar no Demoday.

Julio Rubio, Milleny Saud e Beatriz Adas, do EcoCrie, contam que a ideia para o pitch de impacto nasceu do conselho da MC Karol, uma das apresentadoras do Demoday, sobre “chegar com o pé na porta”. “Todo o conhecimento que trouxemos até aqui valeu a pena! A gente não aprendeu só a empreender, mas a pensar grande”, relatou emocionado Julio Rubio.

O projeto vencedor, da ETEC Albert Einstein, é um aplicativo para ensinar a criar brinquedos com materiais recicláveis e mudar a realidade, já que três bilhões de pessoas não reciclam lixo no mundo. O EcoCrie também propõe que os pais passem tempo de qualidade com os filhos, disponibilizando vídeos e oficinas para conscientizar a todos.

Dispositivo inovador

O grupo vencedor pelas Fatecs foi o TRV, que desenvolveu um dispositivo a base de borracha que prende líquidos e gases e permite a manutenção em válvulas e tubulações. Os integrantes partiram da própria vivência trabalhando em fábricas e em concessionárias de gás para criar um protótipo. Durante o pitch, eles contaram que fizeram um teste real do produto e reduziram para 20 minutos um trabalho que levaria quatro horas. 

“O Pense Grande ajudou bastante, porque a gente só tinha a ideia. Estávamos pensando em patentear nossa criação e eles nos mostraram coisas que nem imaginávamos fazer. Agora ganhar o primeiro lugar foi gratificante!”, relata Walter Luiz, integrante do grupo que estuda na Fatec Itaquera.

Todos os projetos participantes exploram os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas com soluções para problemas sociais, econômicos e ambientais que sejam norteados por valores como inclusão, busca pela igualdade e combate a todos os tipos de discriminação.

No segundo lugar pelas ETECs houve empate entre os grupos Fast Fruit, Etec Praia Grande, e BuskeBônus, Etec Dr. Geraldo José Rodrigues Alckmin. Os dois grupos propuseram a criação de aplicativos. O primeiro, um serviço de delivery para consumo de alimentos naturais e combate à fome. Já o segundo, seria um programa para acumular pontos com a locomoção por ônibus e bicicleta e trocar por produtos e serviços.

O projeto Qualifica, da Fatec São Paulo, ficou no segundo lugar pelas Fatecs com a proposta de criação de uma plataforma que reúne indicação de serviços para construção civil, incentivando o uso de mão de obra local e promovendo cursos de capacitação por meios digitais.

Os vencedores serão premiados com ingressos da Campus Party e terão a oportunidade de se tornar um membro da Associação Brasileira de Startup. Os grupos em segundo lugar receberão mentoria de um investidor anjo e vale livros.

Alimentando sonhos empreendedores

O Demoday, realizado no auditório da Fatec São Paulo, também contou com a presença de Eduardo Navarro, presidente da Telefônica Brasil, que valorizou a trajetória de crescimento da empresa, há 20 anos atuando no país.

“Pensar grande sempre foi o nosso lema. A conectividade, a banda larga, a internet vão fazer a transformação deste país. Se juntarmos o talento, que está sendo formado aqui nas Etecs e nas Fatecs, com a tecnologia, que está sendo transferida para vocês, vamos fazer uma enorme transformação”, discursou o presidente da Telefônica Brasil.

Americo Mattar, diretor presidente da Fundação Telefônica Vivo, ressaltou a alegria de ver os jovens abraçando a oportunidade de levar adiante iniciativas inovadoras. No discurso de abertura do evento, ele lembrou que o caminho do Pense Grande cruzou com o das ETECs há três anos e também enfatizou a importância de manter os sonhos vivos.

“O Pense Grande mostra aos jovens que não há complexidade no processo de aprender a empreender. Vê-los colocando projetos em prática, é o maior fator de sucesso e realização. O objetivo é permitir que vocês estruturem seus sonhos para fazê-los realidade. Então sonhe grande, porque pensar pequeno não vai nos levar muito além!”
, afirmou Americo Mattar.

O professor Monteiro resumiu a importância do Pense Grande para a formação dos estudantes. “Fecha com chave de ouro o percurso de 60 horas. Não só o projeto em si, mas a aprendizagem que esse aluno teve durante o processo. O que vale é o percurso”, enfatiza o  coordenador de projetos do Centro Paula Souza, instituição parceira ao lado da Impact Hub na execução do programa da Fundação Telefônica Vivo.

Roda de conversa no Demoday

A apresentação dos projetos finais também contou com muitos momentos de inspiração para quem está dando os primeiros passos no empreendedorismo social.

Foi exibido o episódio sobre o PLT4Way, que faz parte da série Pense Grande.Doc, exibida todas as quintas-feiras pelo Canal Futura e com episódios disponíveis na íntegra no Youtube da Fundação Telefônica Vivo. O projeto leva o ensino de inglês a comunidades de baixa renda com intuito de transformar vidas com qualificação profissional.

Após a exibição, o cocriador do PLT4Way, Diego Ramos, participou de uma roda de conversa ao lado da atriz, cantora e apresentadora Lellêzinha; da embaixadora da rede Pense Grande, Deborah de Angelo; e com a mediadora Fernanda Cabral, do Coletivo Imagina.

Deborah de Angelo contou que jamais pensou em ser referência. “Sempre imaginava o empreendedor como um engravatado e quando quis ir para a área de tecnologia, não via mulheres ali. No começo, senti um peso. Mas se tornou algo bom, posso passar experiência como algo positivo e fazer as pessoas evitarem perrengues”, relata a jovem, que também fala sobre empreendedorismo no Pense Grande Podcast.

Diego Ramos compartilhou que assiste a vídeos do boxeador Muhammad Ali para se inspirar antes de partir para a luta diária. “Temos de acreditar naquilo que estamos fazendo. Temos de estar em lugares que aumentem nosso conhecimento e reter informação para manter a chama acesa”.

Lellêzinha falou aos jovens no Demoday do Pense Grande sobre a importância da representatividade e da persistência.


“Quis seguir meus sonhos e estamos falando de sonhos aqui hoje! É ter fé que vai chegar naquele lugar e trabalhar muito! Nossa família pode não ser a favor, porque quando somos pobres não temos tempo para sonhos. Mas no Brasil devemos ser teimosos! Estou aqui e não cheguei sozinha, sempre temos apoio pelo caminho”
, encoraja Lellêzinha.

 

Infográfico mostra tabela com vencedores do Demoday da 5ª edição do Pense Grande, entre eles os projetos EcoCrie e TRV.



 

Notícias relacionadas

A imagem mostra grupo de 50 professores enfileirados durante o Demoday. Formação do Pense Grande aliou o ensino de empreendedorismo à construção de aulas
4 de dezembro de 2018

Pense Grande leva ensino de empreendedorismo à formação de professores

Na imagem os quatro integrantes do TIPMES, que promove a saúde de idosos, estão sorrindo e posando para foto em evento.
30 de novembro de 2018

Projeto de alunos de ETEC promove a saúde de idosos

Imagem mostra alguns papeis espalhados nos chão e o detalhe das pernas e mãos de quatro pessoas sentadas em volta.
26 de novembro de 2018

Dez passos para alcançar uma jornada empreendedora de sucesso