alt marcas
5 de junho de 2018

Transformar a realidade de muitos jovens: esta é a motivação do time de voluntários do Grupo Telefônica que estão participando do programa Pense Grande.

 

Mais de 200 colaboradores do Grupo Telefônica estão mobilizados na participação do Pense Grande 2018 para levar conhecimento sobre empreendedorismo social à jovens que querem ampliar suas possibilidades de vida no futuro.

O projeto Voluntários Pense Grande, da Fundação Telefônica Vivo, teve início no ano passado em ETECs (Escolas Técnicas Estaduais) e esse ano tem uma nova atuação em ONGs (Organizações não Governamentais). As instituições selecionadas para 2018 são:

Aldeias Infantis (Unidade Rio Bonito – São Paulo, SP)

 

Formadores do Pense Grande em Aldeias Infantis

 

 

Centro Social Carisma (Osasco, SP) – Organização não governamental e sem fins lucrativos que promove ações na defesa e garantia dos direitos de crianças, adolescentes e jovens por meio de uma atuação de desenvolvimento sócio comunitário.

 

 

Formadores do Pense Grande em Social Carisma

 

 

Centro Taiguara Digital (Centro – São Paulo, SP) – Organização da Sociedade Civil com objetivo é de fomentar, incentivar e disseminar a cultura, o esporte, a educação, a tecnologia e a formação para o trabalho, através de projetos que promovam acessibilidade, integração social e a sustentabilidade.

 

Formadores do Pense Grande em Centro Taiguara Digital

 

 

Liga Solidária (Jardim Educandário – São Paulo, SP) -Projeto desenvolvido com o objetivo de tirar crianças e adolescentes das ruas, oferecendo-lhes cuidados de saúde e educação, além de atividades culturais.

 

Formadores do Pense Grande em liga Solidária

 

 

Projeto Casulo (Real Parque – São Paulo, SP) – Organização da Sociedade Civil sem fins lucrativos que desenvolve programas socioeducativos e de cidadania que beneficiam mais de 10.000 crianças, adolescentes, adultos e idosos.

 

Formadores do Pense Grande em Casulo

 

O Casulo é uma organização da sociedade civil (OSC) que atua com crianças, adolescentes, jovens e famílias das comunidades do Real Parque e Jardim Panorama, oferecendo atividades socioeducativas, culturais, de educação para o trabalho e interação comunitária.

 

 

No primeiro encontro do time foi apresentada a proposta do programa, responsabilidades e datas de formações. São oito capacitações, que habilitam os voluntários a entrarem em sala de aula.

A consultora de marketing Andreia Matos está participando do Pense Grande pela segunda vez e acredita na importância de incentivar o protagonismo do jovem. “A principal vantagem em participar do programa é o lado humano. Doar um pouco do seu tempo a alguém que talvez não tenha tido as mesmas oportunidade que tivemos”, disse Andreia.

Para ela, a segunda vantagem é receber uma reciclagem profissional a partir da formação com a metodologia Pense Grande. “Aprendemos algumas metodologias bem contemporâneas, como Design Thinking, que utilizamos bastante no dia-a-dia do trabalho”, completou.

Tendo participado do processo completo no ano passado, a consultora de marketing disse que é interessante lidar com uma realidade muito diferente da própria e sentir o entusiasmo dos jovens com as oficinas.

Nelas, os voluntários apresentam os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, como uma fonte inspiradora. “A partir disso, pedimos que os jovens reflitam sobre a realidade social deles e tentem criar projetos que sejam ligados a esses objetivos, considerando diversos temas, como educação, segurança pública, saúde e igualdade de gênero”, disse.

Em 2018, o trabalho já começou, com a primeira oficina para integração. “Estão surgindo inúmeros projetos, com problemas com transporte público, descarte de lixo e falta de acesso à saúde”, comentou a voluntária.

Com o fim das oficinas, será realizada uma apresentação dos projetos desenvolvidos, são os chamados pitches (uma apresentação de 3 a 5 minutos). Uma banca examinadora composta por acadêmicos e profissionais reconhecidos pelo mercado irá avaliar os projetos apresentados em um evento conhecido pelo nome de Demoday.

Já o consultor de negócios Raphael Augusto Oliveira Zara participa como voluntário do Pense Grande pela primeira vez. “Está sendo um grande aprendizado retomar algumas dinâmicas de interação e desenvolvimento de ideias que acabo aplicando no dia-a-dia. Está sendo muito rico. Embora seja intitulado como voluntário, sou um beneficiado do programa.”

Raphael também ressaltou a importância da interação entre os colegas da empresa. “Eu ainda não participei de nenhuma oficina com os jovens, mas a expectativa é bastante positiva. Quero aplicar meus conhecimentos de empreendedorismo e trocar com esse público.”



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentários

Notícias relacionadas

Os adolescentes Gabriel Moura (18) e João Vitor Macedo (17) posam para foto abraçados
13 de agosto de 2018

Jovens negociam venda de protótipo de horta inteligente

3 de agosto de 2018

Jovens de ETECs trazem projetos com engajamento social ao Demoday

Samantha Ferreira, Thais Krohn, Thayane Ramos e Victoria Vieira, jovens do Pense Grande tiveram oficinas para desenvolver modelos e testar produtos e serviços
2 de agosto de 2018

Saiba mais sobre o que é a prototipação de um projeto